FICHA TÉCNICA

A Crônica de EastarA Crônica de Eastar.
Autor: Henrique Zimmerer
Ano de Lançamento: 2018
Editora: Independente
Nº de páginas: 274
Compre: Clique aqui


SINOPSE

E se as estrelas não fossem o que pensamos? E se elas fossem soldados de uma legião que observa e protege a vida nos planetas?
Um mundo onde, devido aos constantes conflitos terráqueos, o sol e a lua decidem mudar o futuro ao permitir que as estrelas convivessem com os humanos.
É nesse mundo que um jovem estelar nasce.
Dois milhões de anos se passam, e este garoto, agora perto da fase adulta, desce ao planeta Terra tomado por nada mais que a curiosidade. O que ele não esperava era ser levado para algo que lhe daria mais responsabilidade do que ele jamais imaginou querer carregar.
Agora ele precisa aprender como os terráqueos vivem, não só como se relacionam e como lutam, mas também como amam.

 


RESENHA – A CRÔNICA DE EASTAR

Muitas das vezes lemos histórias nas quais seu autor almeja nada menos do que reinventar a roda, procuram construir algo extremamente complexo, que até mesmo ele se perde em seus devaneios. Um bom livro não se faz – apenas – com excesso de informações ou uma ideia mirabolante, muitas das vezes é na simplicidade que se alcança a diversão. É no sorriso leve e inesperado que se conquista o leitor e é isso que está pequena singela obra entrega: diversão, horas a fio da mais cristalina diversão. Um modelo diferente de livro, com referências a culturas do outro lado do planeta, mas que soa tão familiar, tão usual, que nos encantamos a cada página, e é nisso que reside o grande trunfo de A Crônica de Eastar.

A Crônica de Eastar

Sua história é repleta de boas surpresas, ainda mais sendo constituída de um ponto de vista totalmente original, o das estrelas. Sim, o nome do personagem que traz o título da obra é uma estrela que vem a Terra sem grandes expectativas, mas que se depara com situações irão exigir e muito da sua confiança, coragem e esperteza. O tom de comédia está explícito nos diálogos dos personagens, as surpresas que Eastar encontra em nosso planeta são hilárias e muito bem escritas, quando se menos espera, já se passou algumas horas, e você só deseja saber o que irá ocorrer no próximo capítulo.

A Crônica de EastarO livro possui uma boa dose de ilustrações e isso é enriquecedor. Obviamente que ele possui algumas falhas, mas pela proposta honesta dada pelo autor, não há porque se cobrar uma obra-prima. Seu intuito é claro: divertir o leitor, e o jovem Henrique Zimmerer o faz com primor, muitas das vezes não encontrado em livros de autores renomados. Há de se ter, é verdade, um maior cuidado e lapidação da escrita para os próximos volumes, mas isso vem com a experiência que se adquire com a própria rotina de escrita, que certamente, fará deste mineiro, um dos bons nomes da Literatura Fantástica nos próximos anos.
A Crônica de Eastar

 


SENTENÇA

A Crônica de Eastar é um livro honesto e divertido. Uma obra com construção bastante simples, mas igualmente diferente. Recheado de comédia, com uma boa dose de aventura, o livro entretém, e nos faz querer sempre cada vez mais. Afinal, um sorriso é sempre bem-vindo!

 

Comentários