FICHA TÉCNICA

a justiça chamaA JUSTIÇA CHAMA
Autor: Annie Bellet
Ano de Lançamento: 2018
Nº de páginas: 120
Editora: AVEC
Compre na Amazon: clique aqui


SINOPSE

Jade Crow vive uma vida tranquila em sua loja de quadrinhos e jogos em Wylde, Idaho. Depois de vinte e cinco anos fugindo de um feiticeiro poderoso que quer comer seu coração e tomar seus poderes. Cercada por amigos ainda menos humanos do que ela, Jade acredita que está finalmente segura. Contanto que ela não use sua magia!

Quando os poderes escuros ameaçam a vida de seus amigos, aparece um executor transmorfo sexy. Ele é o juiz, o júri e o carrasco de um mundo pouco mundano e acha que Jade é o culpada. Para limpar seu nome, salvar seus amigos, e parar o vilão, ela terá que usar seu juízo … e seus poderes de feiticeira.
“A Justiça Chama” é o primeiro livro da série de fantasia urbana best seller do EUA Today. Os leitores que apreciaram “True Blood” provavelmente vão amar esta série.


RESENHA – A JUSTIÇA CHAMA

Existe toda uma realidade oculta. Repleta de feiticeiros, bruxos, criaturas da noite, duendes, demônios e metamorfos capazes de se transformar em ursos, tigres e raposas. Mas esse mundo não está escondido de nossos olhos sem razão. Talvez não estejamos preparados para lidar com tais criaturas e poderes. Mas é tempo de revelar esse mundo novo repleto de magia pela ótica de uma poderosa feiticeira urbana… a Jade Crow!

a justiça chama

Jade Crow é uma fugitiva. Ela escolheu deixar seu passado para trás. Seu ex-namorado Samir é um poderoso feiticeiro negro que vive de comer corações, literalmente, para absorver seus poderes. Para ele não há um coração mais suculento e desejável do que o de Jade. Mas ele perdeu seu rastro. Jade com a ajuda de Loba, uma “pantera” negra gigante que é sua guardião espiritual, decidiu se esconder na cidade de Wylde. Essa pacata cidade interiorana americana é repleta de metamorfos, usuários de magia e uma grande convergência de linhas de magia Ley, o esconderijo perfeito. Enquanto ela se mantiver sem manifestar seus feitiços e no meio de tanto poder estará segura… ou ela pensa que sim.

a justiça chamaSua pacífica vida como dona de uma loja de artigos Geek (quadrinhos, games e RPG) repleta de amizades de metamorfos está para se encerrar. A chegada de Alek, um juiz metamorfo a mando de um conselho que rege todo essa raça, está na cidade para investigar um homicídio. A mãe “raposa” da melhor amiga de Jade foi “empalhada”. Magia foi conjurada para tal feito, e magia negra. Jade é a principal suspeita, mas para provar sua inocência e reverter toda a situação ela terá que invocar todo o seu poder interno e por consequência disparar uma sinal poderoso que chamará a atenção do seu tenebroso ex-namorado. A vida de Jade está para mudar, mudar para pior. a justiça chama


SENTENÇA

Essa pequena obra de fantasia urbana é o primeiro volume de uma série de sete livros que apresenta as desventuras da feiticeira Jade Crow. Uma obra pequena em dimensões (poucas páginas) e pretensões. Me pareceu um “prólogo” estendido do que poderá vir por aí nos próximos volumes. Com uma pegada que lembra, guardando as devidas proporções no que tange ao talento, a série “Os Instrumentos Mortais” de Cassandra Clare, o livro não me convenceu. Mesmo curto, o livro me pareceu bem repetitivo, cansativo e por vezes um pouco bobo demais. Sem contar a previsível e constante atração e tensão sexual bem “clichê” entre Jade e Alek. Mais do mesmo que eu confesso já estar cansado de ler. Pretendo dar mais uma chance a série em seu próximo volume, mas se a trama e narrativa se mantiverem semelhantes abandonarei a mesma sem pena. Mas deixo uma ressalva: creio que a autora não me tinha como público “alvo” quando escreveu esse livro.

Comments

comments